28 de julho de 2009

[Entrevista] Semana Renata Angel - VI

Nascida no interior de São Paulo, com mais de 50 filmes no currículo, a morena Renata Angel, que começou sua carreira em 2003 e a encerrou em 2007, falou em uma entrevista, na época em que estava no auge, sobre o seu início no mercado de filmes adultos e fetiches pessoais. Na ocasião, com 31 anos, a moça tinha como medidas: 55 quilos, 97 cm de bunda e 90 cm de seios. Fã do finado Fábio Scorpion e apreciadora de sexo anal, a gata revela num bate-papo descontraído detalhes da sua intimidade.


Confira...


Para começar, diga uma peculiaridade, algo que seja exclusivo da Renata Angel:
Renata Angel: - A minha facilidade em fazer cenas de sexo anal.

E tatuagem? Você tem uma bem diferente, não é?
Renata Angel: - Ah, eu tenho uma orquídea com um tribal nas costas.

Mas por que uma orquídea?
Renata Angel: - Sempre gostei muito de flores, e orquídeas são sempre exóticas!
Como você entrou para a indústria pornô?
Renata Angel: – Comecei a fazer filmes de uma forma inesperada. Tinha ido a Campinas para fazer uma entrevista de emprego e acabei encontrando o Tom Camp´s na rodoviária. Ele não me abordou de cara. Pediu para Paloma (atriz) dizer quem ele era e para me convidar para um teste. Demorei uma semana pensando, fiz o teste e logo fui contratada para o meu primeiro filme na Sexxxy Brazil.

E por que você entrou para a indústria?
Renata Angel: – Virei atriz pornô por falta de oportunidades, por falta de emprego. É uma escolha muito difícil, tem muito preconceito. Eu vim de cidade pequena e até hoje as pessoas não aceitam. Fiz jornalismo, mas não conseguia trabalhar na minha área. Quando o Tom Camp´s me convidou demorei um pouco para aceitar a proposta, mas hoje em dia vejo o quanto os filmes me ajudaram a conquistar meus objetivos.

Você tem algum ídolo no cinema pornô?
Renata Angel: - É o Fábio Scorpion! (empolgada) Antes de eu ser do meio eu já gostava dele, assistia os filmes, via as entrevistas... Admirava como pessoa e como ator. Depois que eu o conheci pessoalmente passei a gostar ainda mais. Ele é do tipo que faz de tudo pra poder te ajudar...

Fale um ponto positivo da sua profissão:
Renata Angel: - A profissão de atriz pornô é bem remunerada. Com os cachês dos filmes eu pude atingir muitos dos meus objetivos na vida pessoal.

E lado negativo?
Renata Angel: - É muito difícil conviver com o preconceito das pessoas. A ala masculina principalmente, não vê os seus filmes como um trabalho, não entende.

Você é reconhecida nas ruas? O que acha disso?
Renata Angel: - Já fui reconhecida alguma vezes. Geralmente, as pessoas vem perguntar se eu sou Renata Angel e me pedem autógrafo. Quando os homens me reconhecem é engraçado, eu nunca sei se estão me admirando como mulher ou me reconhecendo até que venham falar comigo. Pra mim, ainda é um pouco estranho. Sou encabulada, tímida no meu dia-a-dia, não gosto de me exibir. Sempre ando de calça jeans e tênis. Na média, eu prefiro ser anônima.

Como é a sua vida particular? Você tem namorado?
Renata Angel: - No dia-a-dia eu sou muito diferente da Renata Angel dos filmes. Tenho namorado, sim. Ele não gosta muito, mas respeita.

E o que você faz para enlouquecer o seu parceiro de tesão?
Renata Angel: - Ah, não posso falar! (risos) Eu deixo ele louco de tesão com os meus beijos molhados pelo corpo inteiro... Começo pela nuca ou pelo pé e vou babando ele todo... Foi assim que eu amarrei o meu homem! (risos)

Quando você perdeu a virgindade? Foi bom?
Renata Angel: - Foi aos dezessete anos com o meu primeiro namorado, fiquei com ele oito anos. Foi no quarto dele a noite. Foi bom, não foi ótimo, nem foi ruim. Doeu pra caramba! Mas tudo com a prática melhora, nem se compara, né? (risos)

Você já transou com alguma mulher?
Renata Angel: - Já, foi bom e eu gosto. Eu não troco um homem por nada, (risos) mas em cena é legal transar com uma mulher. É lógico que se você não tiver atração, não for sensível, não rola! E eu não tenho vergonha, sei admirar e achar uma outra mulher bonita e gostosa. É muito diferente... outro grau de sensibilidade.

Qual a principal diferença entre o sexo com um homem e com uma mulher?
Renata Angel: - (risos) Ah, um tem penetração e o outro não, né? (mais risos). Falando sério... com homem é mais animal, tem mais voracidade; mulher não tem tanta, é mais sensível, mais sutil, mais toque...

E já rolou nervosismo em cena?
Renata Angel: - Nervosismo não, mas impaciência. Principalmente, quando o ator da cena não corresponde, entendeu? (risos) Falando diretamente, é difícil quando o cara não fica de pau duro! Os novatos muitas vezes ficam tão nervosos que não comparecem (risos), e aí tem que ter paciência. Ah... mas o pessoal do meio já diz que pra começar tem que ser comigo porque eu sou muito paciente... (risos)

Quais foram as pessoas que você mais gostou de trabalhar?
Renata Angel: – Cada um tem a sua forma de trabalhar, mas na minha carreira tenho quatro pessoas que foram especiais e me fizeram crescer. Primeiro o próprio Tom Camp’s que me descobriu e o Stanley Miranda que me ajudou a expandir o meu trabalho e se tornou um grande amigo. Dos atores, tem o Picachu. Ele é ótimo, tem desenvoltura e a gente sempre faz uma cena do caramba. Outros dois que eu tenho um carinho especial são o Fábio Scorpion e o Juliano Ferraz. O estilo deles é mais hard, mas por outro lado, eles são doces. Também não posso esquecer do Tony Tigrão e do Roge que são super profissionais!

Com que você gostaria de trabalhar?
Renata Angel: - No Brasil, todas as pessoas que eu quis trabalhar, eu consegui. Gostaria de trabalhar com a Belladonna e com o Nacho Vidal. No ano passado a gente se encontrou no Rio de Janeiro, mas acabou não rolando porque eu não aceito fazer filme sem preservativo. Já perdi muitos convites por isso!

E na hora H, o tamanho do dito-cujo faz diferença?
Renata Angel: - O tamanho não faz diferença, a diferença está no desempenho. Tem atores que com um pau pequenininho são os melhores. Eu, particularmente, não gosto de pau muito grande. Acho que um médio, entre 15 e 19 centímetros, dá conta do recado.

Qual é a sua posição favorita?
Renata Angel: - Ah... de quatro, né? Eu me sinto dominada, me excita! Sem exageros, também adoro uns tapinhas, uma puxadinha de cabelo... Ah, uma brincadeirinha também ajuda, né? Mas sem acessórios... (risos)

Você curte fazer sexo anal?
Renata Angel: - Eu não gostava na vida pessoal, antes dos filmes. Só fui aprender a fazer direito gravando. Aprendi que não era dolorido... um bicho de sete cabeças... Fui aprendendo também a me preparar para as cenas sozinha. Quando sei que tem uma de anal, eu mesma vou me dilatando... vou colocando um dedo, depois o outro, e vou colocando até me sentir confortável. A gente também usa gel, lubrificante...

Onde você gosta de ser tocada?
Renata Angel: - Adoro que me beijem na nuca, no pescoço... ajuda a quebrar o gelo. Beijo na orelha também me deixa louca... (risos)

Qual a maior loucura sexual que você já fez?
Renata Angel: - Transar com o meu namorado com o carro em movimento aqui em São Paulo! (risos) Como é que eu vou explicar essa aventura? Ah.. o carro estava em movimento, a gente estava indo para o litoral... o clima entre a gente esquentou e eu sentei no colo dele e fiquei segurando no volante enquanto ele acelerava. Deu pra terminar dentro do carro mesmo. A excitação era tão grande que antes de chegar, a gente já tinha gozado! (risos)

Diga três coisas que você levaria para uma ilha deserta:
Renata Angel: - Meu namorado, meu namorado, meu namorado... (risos) Ah, mais uma barraca e muito chocolate pra recuperar a energia. (risos)

O que você mudaria na sua personalidade?
Renata Angel: - A minha timidez, queria ser mais espontânea e menos quieta. Também sou muito sentimental e sofro demais com isso...

E fisicamente, o que você mudaria?
Renata Angel: - Gostaria de ser mais alta...

Quando você dorme, você usa...
Renata Angel: - Eu durmo... Ah, depende... Gosto e compro muita lingerie. Adoro dormir perfumada, bonita e gostosa com hidratante... faço questão de deixar o meu cheirinho na cama...

O que você gosta de fazer quando não está trabalhando?
Renata Angel: - Gosto de cuidar de mim, ir a academia, malhar, correr, ir a clínica de massagem... Meu hobby é a academia, sou fissurada. É ótimo para o meu ego, me sinto bem, bonita...

Quais são os seus planos para o futuro?
Renata Angel: – Casar, ter filhos, ir morar na Europa talvez...

Para terminar, diga algo para nossos leitores:
Renata Angel: - Quero agradecer o carinho que tenho recebido dos fãs. É muito gratificante, porque se não fosse por eles eu não estaria aqui. Sempre vou dar o melhor de mim, fazer meus filmes com tesão para que eles possam sempre curtir um bom trabalho!


Comentem!


Dicas, sugestões e pedidos para: totalsex@bradmontana.com

Clique e siga o TotalSex no Twitter


Por Brad Montana

9 comentários:

  1. vc é marvilhosa e se um dia resolver fazer filme com seus fãs kero ser o primeiro voluntário ta beijos e parabéns

    ResponderExcluir
  2. Já voltou a Mirassol? tem contato com o povo de lá?

    ResponderExcluir
  3. Eu sou seu fa desde de quando vc era aqui da minha cidade. Acho. Que te amei. Sei la. Te amo. Vc e muito maravilhosa. Deveria vim mais praca. .E desfilar e dar uma chance de nos encontrarmos.

    ResponderExcluir
  4. Renata Angel, mulher fascinante, linda e exuberante com sua simplicidade, deve ser uma pessoa muito interessante.

    Sei que o ídolo é um personagem, mas me encanto com Renata, podem acreditar pura simples e uma pessoa que sabe valorizar a liberdade, e que na sua intimidade apresenta a timidez de uma menina.

    Paulo Ubá/MG.

    ResponderExcluir
  5. ótima atriz, sensual e linda esta de parabens

    ResponderExcluir
  6. Ela é linda, sensual. Sou louco pro ela.

    ResponderExcluir
  7. O nome real dela qual é?

    ResponderExcluir
  8. Parabens, vc é uma ótima atriz sempre fez um bom trabalho
    Parabens

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc é muito gostosa quer transar comigo?

      Excluir